Cinco Pesky Plant Diseases para se ter cuidado

Com a popularidade dos jardins se expandindo por todo o mundo, outra consciência se instala. Esta conscientização está focada nas ameaças que as plantas devem enfrentar diariamente e na melhor maneira de evitar algumas das doenças pesadas das plantas que podem infectar e destruir nossas adoráveis reservas naturais. À medida que as pessoas se tornam mais conscientes sobre a saúde e procuram uma maneira de crescer, não apenas produtos frescos e limpos para si mesmas, mas também de criar belos espaços para o cuidado, os jardineiros, seja cultivando flores ou frutas e vegetais, devem considerar as diferentes doenças e a melhor maneira de combatê-las. Exploramos 10 das doenças mais pesadas das plantas, o que devemos estar atentos e como lidar com elas sem danificar ainda mais as plantas em nossos jardins. Estas incluem: – O flagelo da morte – Feridas de Cancro – Queixo de Folha – Queixo de Míldio – Dicas a ter em mente

O flagelo da morte

A doença da praga mortal é uma ocorrência bastante comum em toda a América do Norte. Ela infecta muitas plantas, embora seja significativamente observada em tomates e batatas no início do flagelo. Os nomes científicos para os dois fungos responsáveis por esta infecção são Phytophthora infestans e Alternaria solani. Os primeiros sintomas a serem observados são as pequenas manchas marrons que formam padrões de anéis concêntricos, normalmente em folhas mais velhas mais próximas do solo. Eventualmente, a doença se espalha para fora através da folha, murchando e tornando-a amarela, e depois continua para o resto da planta, como o caule e qualquer fruto. Qualquer pessoa que viva em ambientes úmidos e úmidos pode ver esta doença aparecer. Se você notar qualquer sintoma, pode imediatamente qualquer planta infectada e escavar o solo, então acrescente o composto orgânico e limpe a área para garantir que não se espalhe

Feridas de cancros

Outra doença comumente encontrada em toda a América do Norte, o cancro bacteriano pode ser encontrado infectando muitas frutas com caroço, como damascos e pêssegos. Fique atento a lesões afundadas, esponjosas, que se formam em troncos ou galhos. Você também pode encontrar uma seiva fedorenta que escorre de algumas das lesões. Estas feridas podem ser bastante úmidas e podem variar de cor, do preto ao avermelhado. Se algum cancros entrar nos galhos ou no tronco da árvore, eles podem eventualmente causar que as folhas acima fiquem amarelas e morram. Pseudomonas syringae, a bactéria irritante que causa o cancro, geralmente se transforma em uma planta após a poda ou danos a uma planta. Certifique-se de podar o máximo possível durante a época de floração e selar quaisquer lesões. Não se esqueça de lavar as ferramentas de poda após o uso, pois elas transportam as bactérias para outras plantas se não forem limpas adequadamente

Cachos de Folha

Afetando principalmente as plantas de pêssego e nectarina, o cacho de folhas, ou taphrina deformas, é causado por uma infecção fúngica. É uma dessas infecções fúngicas mais comuns em pomares de quintal em todo o mundo. Os primeiros sintomas da doença aparecem na primavera, com manchas avermelhadas aparecendo nas folhas. Eventualmente, as áreas infectadas tornam-se inchadas, e as folhas se enrolam e se curvam fora de forma. Os esporos produzidos por esses fungos podem se espalhar rapidamente, soprados de árvore em árvore pelo vento, portanto é imperativo pará-los na fonte o mais rápido possível. Existem variedades resistentes de plantas para isto, portanto, idealmente, você as compraria. Qualquer infecção pode ser controlada através da poda e da pulverização de alguns fungicidas de cobre ou enxofre sobre as áreas afetadas, depois sobre a árvore inteira, uma vez que todas as folhas tenham caído

Questões de míldio

Outro culpado norte-americano, o oídio, é uma doença fúngica. Os múltiplos fungos podem causar problemas de míldio nas plantas. Ele é muito freqüentemente encontrado em áreas com alta umidade. Os sintomas iniciais podem ser encontrados em folhas mais jovens, com a formação de bolhas na superfície das folhas, fazendo com que elas se enrolem. À medida que a infecção se espalha, forma-se um crescimento esbranquiçado e cinzento sobre as folhas, e os botões infectados tendem a não florescer. Qualquer planta que é infectada acaba por murchar e morrer. Tenha cuidado, pois os esporos podem ficar adormecidos dentro dos botões das folhas e eventualmente afetar jardins inteiros após serem espalhados pelo tempo. Idealmente, plantar variedades resistentes de plantas, mantendo-as em áreas ensolaradas e mantendo amplo espaçamento entre as plantas ajuda a circular o ar e impede que qualquer fungo cresça em primeiro lugar. Se uma infecção já tiver ocorrido, porém, podar a área o máximo possível e colocar uma camada pesada de cobertura morta uma vez que tenha sido limpa

Podridão da raiz

Outra doença fúngica a ser evitada, a podridão das raízes também pode ser de grande preocupação para qualquer pessoa que cultive amêndoas. Esta doença infecta plantas recém-desabrochadas na primavera, eventualmente causando úlceras como feridas que destroem os caules e matam as plantas. Cuidado com as manchas circulares, às vezes marrons, que se espalham sobre a superfície das plantas. Estes esporos podem ser espalhados para outras plantas da área e devem ser podados e destruídos rapidamente. Uma vez que uma planta esteja suficientemente infectada, pode ser necessário remover a árvore inteira antes que ela se espalhe para toda uma área

Dicas a ter em mente

Existem inúmeros outros tipos de doenças que podem se espalhar e causar estragos em jardins e pomares, e estes cinco são apenas uma pequena amostra. Lembre-se, ao pensar em prevenir qualquer tipo de infecção em suas plantas, que garantir um espaçamento adequado entre todas elas é o ideal, com ar fresco e luz solar ajudando a manter os fungos e bactérias sob controle. Ao podar, certifique-se de ser o mais suave possível, e não causar danos adicionais a uma planta que possa ajudar as bactérias a se manterem em pé. Qualquer ferramenta usada para lidar com uma infecção deve ser cuidadosamente lavada antes do próximo uso, e não, NÃO faça a compostagem de quaisquer plantas que tenham sido infectadas, pois você pode imaginar que tipo de desastre infeccioso pode ocorrer depois. Tomar fortes medidas preventivas e pesquisar os melhores manuais de cuidados para suas plantas é a maneira ideal de manter seu jardim ou pomar saudável e robusto.

To top
EnglishSpanishFrenchDeutscheItalianPolskiePусскийSitemap